"“O amor é altruísta, é alimento para a alma. Quando se ama verdadeiramente, não importa onde e como você está. Sempre você irá praticar o bem pensando no seres amados.”"

sábado, 15 de novembro de 2008

...Que tal mudar essa foto aí? E não adianta colocar a alcinha vermelha para evitar olho grande, coloca aquela que você está de perfil, "levemente" deitada sobre os braços - putz, descrever foto não é fácil - com um sorriso digno de MARIHÁ...
Estou triste...
Não sei ser diferente, não sei não ser transparente.
Não... simplesmente seja você!Mas se a tristeza não se faz ausente e problemas se fazem presentes e então te ressentes, não deixes que a amargura acabe com a tua doçura...Segue em frente! Ainda és, linda e ternamente, uma flôr, um presente.
Você é um amigo e tanto.
Era uma vez, uma pequena estrela...Com freqüência ela olhava para os lados, para trás, para cima e via que todas as outras estrelas estavam tão longe dela... sentia-se vazia, perdida e reclamava ao universo: - Porque me deixas tão sózinha?De que sirvo aqui se nada faço?Porque toda essa tristeza?As reclamações da estrelinha continuaram até o dia em que o Universo, cansado de tanto ouvir aquelas lamentações, disse a ela: Irás para um lugar onde conhecerás teu papel neste lugar.Deu uma cutucadinha nela e ela caiu em uma grande área verde em um planetinha chamado terra. No planetinha adquiriu a forma humana, cresceu e começou a escrever sobre muitas coisas.Tinha o hábito de toda noite olhar para o céu e escrever sobre as estrelas que distantes brilhavam iluminando e embelezando o céu. Ela achava tudo muito lindo e passava toda essa beleza para aquelas pessoas que liam o que ela escrevia e com isso também cresciam e se tornavam melhores...Mas ela, inquieta e insatisfeita, esquecida de quem era e de tudo.
... que lhe tinha acontecido, voltou a reclamar, sem se dar conta do bem que fazia a todos que a cercavam, não importando estar aqui na terra ou no céu.A última informação que tenho é que o Universo está decidindo para onde deve mandar a estrelinha...
Então o Universo decidiu: Estrelinha, você continuará aí, fazendo a alegria de muitos e quando se sentir só, lembre-se que nesta vida todos temos uma missão e a sua é muito importante. Quando te sentires solitária, olhe para dentro de sí mesma e verás o mesmo brilho que atraí a todos que te procuram não importa se dia ou noite, se inverno ou primavera, pois todas as luzes, todas as flores e todos os aromas aí estarão, sendo distribuidos tão intensamente como os raios do sol e tão delicadamente quanto a luz da lua. Sorria e seja feliz, pois quanto mais assim o fizeres, mais outros sorrirão e felizes serão.
lágrimas nesse momento tomam conta de meus olhos, vou usar uma expressão que Paulo não gosta... bahhhhhhhhhhhhhhhhhhh.
Paulo é o autor deste texto.
Posso publicar no blog?
Publicar no blog? Olha, você tem muita sorte de eu estar longe daí, porque se eu estivesse aí, ia te pendurar pelas pernas em um lugar bem alto e te deixar balançando ao vento para irrigar teu cérebro e essa tristeza ir embora...

9 comentários:

Thais Michele Rosan disse...

Adorei esse texto...

Temos que olhar para dentro de nós, procurar a felicidade dentro da gente!

E eu amo olhar as estrelas, a lua...
Tem horas que sinto uma profunda vontade de estar lá no céu e olhar o mundo de outra forma...

Beijos

Gaby Soncini disse...

Que texto fantástico e brilhante,brilhou tanto dentro de mim como as estrelas do céu.

Observar o céu é algo mágico que toma conta de nosso ser.As vezes não damos valor no que fazemos,eu que o diga sempre não dou valor e nada que eu faço e este texto me deu uma outra visão.

Grande beijo.

meus instantes e momentos disse...

vim conhecer teu blog. Gostei daqui. óTimos posts. Volto com certeza.
maurizio

Marihá disse...

Thais tenho um relacionamento interessante com a Lua, ela me atrai completamente.
A algum tempo atras numa noite de Lua cheia, olhei pra ela e falei.. dizem que você é a estrela dos apaixonados, então pq não traz noticias dele.
Menina naquela mesma noite recebi noticias de quem queria e ja fazia mais de 6 meses que não sabia mais nada a seu respeito.

Marihá disse...

Gaby o céu é tão belo, e maravilhoso, tanto que quando morrermos desejamos ir pra La.
Fico feliz em saber que esse texto lhe fez mudar de opinão com relação a certos assuntos.

Marihá disse...

Maurizio, enviei um email, tentei visitar seu blog, não consegui pois é apenas pra convidados.
Sempre digo que amo saber que quem visita meu blog gosta.
Volte sempre.
Bjo

Marihá disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MaNú disse...

Lágrimas rolam... Depois do texto e principalmente depois de seu comentário para Thaís. Sou apaixonada pela Lua! Mary, amo vc e cada vez que te leio,rsrsrs acho que temos muito mais que uma simples amizade virtual em comum.
Bjs...

MaNú disse...

Lágrimas rolam... Depois do texto e principalmente depois de seu comentário para Thaís. Sou apaixonada pela Lua! Mary, amo vc e cada vez que te leio,rsrsrs acho que temos muito mais que uma simples amizade virtual em comum.
Bjs...

Gosto de ouvir

http://www.youtube.com/watch?v=5hzgS9s-tE8