"“O amor é altruísta, é alimento para a alma. Quando se ama verdadeiramente, não importa onde e como você está. Sempre você irá praticar o bem pensando no seres amados.”"

domingo, 25 de abril de 2010

Sou absurdamente absoluta, não quero ultrapassar o meu próprio mundo de verdades inventadas, (poetas inventam verdades). Mas não a sou. Tenho tantos personagens dentro de mim que não consigo encontrar à mim mesma!
Marihá 25/04/10

2 comentários:

Célia Romera disse...

... e foi assim buscando minhas verdades, tentando achar em qual personagem me perdi, que estou dando um tempo do mundo virtual rss
mas sempre aqui te acomapanhando e me encantando com seus versos!

Adoro tu amiga poetisa encantadora!

beijos

Célia.

Marihá disse...

Espero que se encontre Célia, as vezes precisamos dar-nos esse tempo. Ja passei por isso e foi bom. Não demore, estarei te esperando.
Bjos

Gosto de ouvir

http://www.youtube.com/watch?v=5hzgS9s-tE8