"“O amor é altruísta, é alimento para a alma. Quando se ama verdadeiramente, não importa onde e como você está. Sempre você irá praticar o bem pensando no seres amados.”"

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Por que são tão poucos os que conseguem entender um Poeta?
Por que são tão poucos os que acreditam que um Poeta é feito de carne e osso?
Por que são tão poucos os que sabem que um Poeta também precisa viver?
Por que são tão poucos que entendem que os Poetas não vivem na terra do faz de conta?
Por que são tão poucos...........?????!!!!
Marihá

7 comentários:

Ni ... disse...

Ah Nuvenzinha...

Estava com uma saudade de te ler... mesmo qdo me parece triste...

Beijo e mais beijos...

ppinto22 disse...

Navegando você chegou nos meus domínios, aportou e agora lhe dou as boas-vindas!
Agradeço aos bons ventos que a trouxeram...
Segui a luz da lanterna da proa da tua embarcação, mas ao me aproximar do porto fui impedido de atracar e, tratado como pirata, informado que só quem alí escreve são os amigos.
Levantei ancora e retorno ao meu porto seguro, deixando este recado escrito nas nuvens. Quem sabe o vento que trouxe tua embarcação acabe por levá-lo até você.
Abraços!
Paulo

Célia disse...

tbm estou bem... e entendi seu protesto, nós leitores queremos o poeta só pra gente em tempo integral de total magia e encanto... rsss
mas sabemos que no fundo são capazes pois a alma de um poeta vive eternamente de poesia!

beijos linda!!

Marihá disse...

Minha amiga, fazia tempo que tu não aparecia aqui neh?...rs*
Sera que além de psicologa tens tb bola de cristal?
Bjo Ni

Marihá disse...

Paulo o porto foi aberto...

Célia disse...

tbm estou bem... e entendi seu protesto, nós leitores queremos o poeta só pra gente em tempo integral de total magia e encanto... rsss
mas sabemos que no fundo são capazes pois a alma de um poeta vive eternamente de poesia!

beijos linda!!

ppinto22 disse...

Grato!
Agora começo a navegar por águas calmas, mas muito profundas!
Cheia de tesouros dos muitos navios que a imprudência comandou e das inúmeras belezas que a terra lhe ofertou. Levado pela brisa, navego rumo ao porto onde me espera a beleza em forma de poesia.

Beijos, um excelente final de domingo e uma semana repleta de sonhos feitos de lindas palavras!
Paulo

Gosto de ouvir

http://www.youtube.com/watch?v=5hzgS9s-tE8