"“O amor é altruísta, é alimento para a alma. Quando se ama verdadeiramente, não importa onde e como você está. Sempre você irá praticar o bem pensando no seres amados.”"

sábado, 19 de abril de 2008


Sou muitas...
mas nem sei quem são.
As vezes a conheço...
Noutras desconheço.
Muitas dentro de Uma.
A que é mulher...
até mesmo menina.
A protegida,
mas também a destemida...
Quantas existem dentro de mim???
Nem eu sei...
Por isso sou assim...
Alguém...
sem fim,
a procura de
Mim!
Marihá... 17/04/08

10 comentários:

Tita disse...

Marihá, minha linda poeta!!!
De todas poesias suas, esta é uma das mais belas! linda! linda!
Esta poesia é vc mesma..menina, guerreira, à procura de si mesma, com as fragilidades todas descobertas, justo pela sua fortaleza em reconhecê-las!
Menina, grande orgulho pra mim, ter sido uma das muitas pessoas em sua vida, que viu estas muitas marias de que vc é feita!
Maryvilhosa menina-poeta!

Anônimo disse...

Deixa eu falar
Deixa eu dizer
Sou ''euzinha'' falando com vc

Você escreve bem
Bem pra valer

Eu gosto de tudo q vc escreve
Consigo entrar na sua poesia
E tudo q vc diz parece q é de mim q fala.

Adoro suas letrinha,
Que toca bem fundo em mim.
Adorooooooooovocê!

Beijos

Ni ... disse...

Texto pra lá de perfeito Nuvenzinha...

Beijooooooo

Eden Gama disse...

Você estava falando de mim, leitora de almas? rsrs

Adoroooooo vc !

Beijos

Anônimo disse...

Quero um dia ter o prazer de conhecer essa pequena menina mulher que escreve com a alma, como poucos.
Sou seu fã incodicional.
Venho sempre aqui pra te ler, e sempre saio agraciado.
Beijo linda poetisa que é feita de muitas Marias

Eduardo disse...

Sempre te vi assim, menina, mulher, guerreira, batalhadora.
Minha Pequena Grande amiga.

Tita disse...

Marihá menina minha, tenho UMA resposta para sua busca de "quantas marias vc é feita"
ao longo dos tempos que virão, vc poderá enumerá-las e reconhecê-las uma a uma..
em cada gesto,
em cada palavra,
em cada pensamento,
em cada movimento...
Quantas vezes te vi maria mãe, louca de vontade em dar um enorme beijo em seu Lucas !
Quantas outras vezes te vi a menina que quis colo, que precisou de colo!
Quantas vezes te vi como a amiga carinhosa, acolhendo amigos, trazendo flores e pérolas de carinho..
Quantas vezes te vi, uma maria apaixonada pela vida, pelos filhos, pelo trabalho, pelos amigos, pelas palavras, e por amores..
Vc é a Maria feita de marias, pra nós, a própria poesia!
como vc disse em sua poesia, vc é " ...um alguém sem fim!" ESTA É A RESPOSTA!
muitos beijos, minha menina!

Marihá disse...

As vezes menina, outras mulheres
noutras nem sei quem sou...
Mas sou assim alguém sem fim...

Maithe disse...

Parabéns Marihá,

Teu blog está lindo.

Continue assim viu?

Beijos

Meire disse...

Simplesmente amei!!!

Gosto de ouvir

http://www.youtube.com/watch?v=5hzgS9s-tE8